O Minimalismo das Casas Japonesas | Indicação de Leitura

Minimalismo

  • princípio de reduzir ao mínimo o emprego de elementos ou recursos.

Não sei você, mas ultimamente tenho ouvido mais sobre o movimento minimalista. Talvez pela onda de incentivo ao consumo pela qual temos passado nos últimos anos e no mundo todo.

Porém, acredito que, mais do que uma moda passageira, isso é um estilo de vida e não muito fácil de ser alcançado.

Não é simplesmente desfazer das coisas que você já tem e comprar o mínimo possível. É ir além do material, do que se vê. É estar com a vida em equilíbrio ou pelo menos, de modo que você perceba que está no caminho de seus sonhos/objetivos e por isso, tudo na sua vida e à sua volta faz mais sentido.

“Organização é a melhor forma de autoconhecimento” (Marie Kondo)

Nunca uma frase fez tanto sentido para mim, porque não é estar ou ser organizado que nos leva ao autoconhecimento, mas o processo em si. Eu já compartilhei algumas vezes que eu não nasci e nem sou organizada. Na verdade, eu busco colocar em prática a organização no meu dia a dia, fazendo as adaptações necessárias na minha rotina. E é através dessas práticas ou da falta delas que me descubro como pessoa.

E ver essa matéria da Incrível me fez sentir tão bem, olhando as fotos da casa desses japoneses, como se me passassem a sensação de ambientes maiores, bem arejados, limpos e de trazerem uma paz. Foi perceber que realmente vale a pena continuar a minha busca para alcançar esse estilo de vida, mas que o caminho ainda será longo. E tudo bem, porque será um caminho de grandes aprendizados.

A matéria é bem interessante! Por isso, sugiro que você dê uma olhada nas fotos e depois, faça o mesmo exercício olhando para a sua casa. Como está a sua casa? Como estão as suas coisas?

Pois como você a vê, é como a sua mente está. 

O Minimalismo das Casas Japonesas

https://incrivel.club/admiracao-lugares/dei-uma-olhada-na-casa-de-uns-japoneses-e-entendi-por-que-eles-adoram-o-minimalismo-113910/

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *